Luz Negra: O que é e como se faz?



  

Todo mundo que já foi a uma boate ao menos uma vez na vida, deve se lembrar de uma estranha iluminação que da um tom meio que roxo a roupas e objetos claros.

Pois bem, essa é a chamada luz negra.

E, apesar do que a maioria acha,  é facílimo de fabricá-la.

Todos nós conhecemos as lâmpadas fluorescentes.

Basta apenas que peguemos uma dessas lâmpadas e retiremos aquele pó branco que se encontra em seu interior e trocar o vidro por um mais escuro ( Isso vai fazer com que as radiações mais claras sejam bloqueadas).

Esse pó branco é formado por sais de fósforo e a luz branca das lâmpadas fluorescentes normais e vem justamente da incidência dos raios ultravioleta, na dita camada  de sais de fósforo.





Já com a luz negra, o que acontece é o seguinte: Já que não tem a camada de fósforo, a fosforescência vai acabar sendo retransmitida por roupas e objetos de cor clara.

Daí aquele tom meio roxo de nossas roupas brancas quando estamos nas pistas de dança.

E uma última curiosidade : A luz negra foi criada por um sujeito chamado Philo Fornsworth ( 1906 – 1971), também considerado o pai da televisão, durante a Segunda Guerra Mundial.

A principio, a idéia era usá-la para facilitar a visão noturna e na identificação de falsificações.

Bom acho que encontramos outra aplicação para ela.

Flickr

Por D.Soares



2 comentários em “Luz Negra: O que é e como se faz?

  • Se tirarmos o po branco a lampada vai queimar e tambem como vamos trocar o vidro por um mais ecuro???? acho que a tua idéia é furada ou nao explicou direito.

  • Sim, não dá para tirar o pó branco sem deixar escapar o gás que há dentro da lâmpada e evitar a entrada de oxigênio que fará com que a lâmpada se queime ao tentar acendê-la! O título desse texto está errado! Devia tirar, dele, o "…e como se faz?" …?

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *